Após ter sua entrada proibida em um supermercado do Rio de Janeiro, uma mulher tirou a calcinha que estava vestindo e usou-a como máscara. A peça foi colocada no rosto para criar uma espécie de proteção facial.

O uso de máscaras contra o Coronavírus já virou obrigatório em muitas cidades, sendo necessário usar uma para entrar em estabelecimentos públicos. A lei visa a saúde de toda a população durante a pandemia.

A situação aconteceu no supermercado Guanabara e foi gravada e publicada nas redes sociais. Ao ter sua entrada vetada, a mulher foi para o lado, tirou a calcinha por baixo do vestido e, mostrando aos seguranças, colocou-a no rosto.