Dois prédios desabaram na Muzema, comunidade na Zona Oeste do Rio, na manhã desta sexta-feira (12). Os imóveis têm cerca de quatro andares. Dezenas de pessoas e bombeiros vasculham os escombros para tentar localizar possíveis vítimas.

Ao menos um ferido foi retirado por moradores e levado para o socorro do Corpo de Bombeiros. Ele foi colocado sobre uma porta, usada como uma maca improvisada.

A Muzema foi uma das áreas mais atingidas pelo temporal que caiu no Rio. A cidade está em estágio de crise desde segunda-feira (7). O desabamento aconteceu em uma das áreas mais elevadas da comunidade, perto da mata.

(Reportagem em atualização.)

Dois prédios desabaram na comunidade da Muzema, na Zona Oeste do Rio, na manhã desta sexta-feira (12) — Foto: Reprodução/ TV Globo
Dois prédios desabaram na comunidade da Muzema, na Zona Oeste do Rio, na manhã desta sexta-feira (12) — Foto: Reprodução/ TV Globo

Dois prédios desabaram na comunidade da Muzema, na Zona Oeste do Rio, na manhã desta sexta-feira (12) — Foto: Reprodução/ TV Globo

Os prédios tinham 4 andares, segundo as primeiras informações  — Foto: Reprodução/ TV Globo
Os prédios tinham 4 andares, segundo as primeiras informações  — Foto: Reprodução/ TV Globo

Os prédios tinham 4 andares, segundo as primeiras informações — Foto: Reprodução/ TV Globo

Um ferido foi retirado dos escombros; bombeiros e voluntários vasculham os escombros à procura de vítimas. Ainda não se sabe se todos os andares estavam ocupados — Foto: Reprodução/ TV Globo
Um ferido foi retirado dos escombros; bombeiros e voluntários vasculham os escombros à procura de vítimas. Ainda não se sabe se todos os andares estavam ocupados — Foto: Reprodução/ TV Globo

Um ferido foi retirado dos escombros; bombeiros e voluntários vasculham os escombros à procura de vítimas. Ainda não se sabe se todos os andares estavam ocupados — Foto: Reprodução/ TV Globo

Moradores fazem busca em prédio que desabou na Muzema, que foi uma das áreas mais atingidas pelo temporal que caiu no Rio. A cidade está em estágio de crise desde segunda-feira (7). — Foto: Reprodução/ TV Globo