Na tarde desta quarta-feira, 6, o Bispo Metropolitano de Manaus Dom Leonardo Steiner, através da Assessoria de comunicação da arquidiocese de Manaus, anunciou que mesmo com o decreto vindo do Prefeito de Manaus e do Governador do Estado do Amazonas, em reabrir  templos religiosos a partir do dia 15 de maio, vai permanecer com a mesma nota informada no dia 23 de abril, que durante 30 dias as igrejas de Manaus permanecerão fechadas. A decisão, que encerraria no dia 23 de maio, foi prorrogada com o mesmo prazo.

O Bispo ainda pede que continuemos em oração para os irmãos que perderam seus entes queridos  e  pelo fim  da pandemia.

Por fim, o Bispo anima a todos a permanecerem em casa e cumprir todas as medidas informadas pelo OMS.