Mãe é acusada de explorar filha youtuber para ter fama na web FOTO: REPRODUÇÃO / INSTAGRAM

A mãe da youtuber e influenciadora digital Bel está sendo acusada de maltratar a filha e explorá-la psicologicamente para sustentar sua fama nas redes sociais. O assunto repercutiu e chegou a virar um dos temas mais comentados no Twitter, com a tag #SaveBelParaMeninas.

A adolescente estreou no YouTube quando ainda era criança, com sua mãe fazendo penteados diferentes nela. Contudo, a menina cresceu, mas Fran não teria aceitado o fato, fazendo com que a filha ainda se comporte como criança.

A princípio, o conteúdo no canal de Bel focava mais em Fran, até que a menina protagonizou o canal ao mostrar coleções de bonecas e realizar enquetes infantis. Agora, em vídeos divulgados na internet, Bel tenta explicar para a mãe que já é adolescente, mas ela não aceita.

Além disso, os internautas resgataram um vídeo no qual Fran supostamente induz a filha a tomar bacalhau com leite. Na gravação, Bel informa que vai vomitar, mas a mãe segue sugerindo que ela beba o líquido. Por fim, a garota arrota e vomita, e Fran joga a bebida no cabelo dela.

Mãe da youtuber Bel deixa recado na web

Em meio a polêmica e a viralização da hashtag “Salve Bel Para as Meninas”, a mãe da youtuber Isabel, Francinete Peres, usou seu perfil no Instagram para mandar um recado aos internautas, na última segunda-feira (19). 

Ela publicou uma foto ao lado das filhas, Bel e Nina, e do marido. “Enquanto algumas pessoas espalham o ódio gratuito nós seguimos acreditando na família e no amor. Que nossa felicidade chegue ao coração de vocês”, escreveu na legenda da publicação, que teve a opção de comentário restringida.