Com mais de 30 anos de carreira, a banda Rosa de Saron retorna a Manaus para mais um show no dia 1º. de setembro, na Arena Amadeu Teixeira, localizada na rua Loris Cordovil – Flores, ao lado da Arena da Amazônia, zona Centro-Sul de Manaus.

Formada atualmente por Bruno Faglioni (voz), Eduardo Faro (guitarra), Rogério Feltrin (baixo) e Grevão (bateria), a banda Rosa de Saron surgiu em 1988 na cidade de Campinas/SP, dentro do movimento de Renovação Carismática da Igreja Católica (RCC). Em pouco tempo, começaram a compor suas próprias canções e a participar de festivais, sempre garantindo as primeiras colocações, fato que contribuiu para que logo se tornassem conhecidos no cenário musical em todo o Brasil.

Apesar de todo reconhecimento e crescimento durante os anos, o objetivo do grupo continua o mesmo dos seus primeiros ensaios: fazer rock com qualidade levando uma mensagem cristã de esperança, fé e amor para todos.

Este será o primeiro show em solo manauara com a nova formação da banda, que até novembro de 2018 tinha como voz principal o cantor Guilherme de Sá. Ele deixou a banda para viver sua paternidade com mais dedicação, mas não abandonou a carreira, investindo agora nas apresentações em casamentos.

A banda Rosa de Saron participa do “IV – Juventude Católica em Ação”, evento que reúne mais de 14 atrações locais e nacionais, que acontece a partir das 09h, do dia 1º. de setembro, na Arena Amadeu Teixeira. Os ingressos estão sendo vendidos a partir de R$ 30 (2º. lote), nas livrarias Paulus e Paulinas, no Centro, e na loja ‘Filhos do Céu’, no Parque 10.

Para fãs, nova formação mantém a essência da banda

Quando o cantor Guilherme de Sá anunciou a saída da ‘Rosa de Saron’ no final de 2018, a comoção tomou conta dos admiradores da banda. Sá era vocalista desde 2001, sua voz rouca e potente foi a que mais deu projeção ao grupo musical.

Mas, cabe lembrar que não foi a primeira vez que a banda perdeu um vocalista. Cantor original da Rosa de Saron, Tchelão Machado ficou no grupo de 1988 a 2000, sendo substituído justamente por Guilherme de Sá.

Para os fãs manauaras, que estão aprendendo os lançamentos na voz do novo vocalista Bruno Faglioni, é apenas questão de tempo para se acostumarem, afinal, a essência, o estilo e qualidade musical da banda permanecem.

É algo novo para nós fãs ter essa troca de vozes, lindas por sinal. Estamos acostumadas com aquela voz rouca do Guilherme há mais de 15 anos, mas a essência entendemos que continua a mesma“, observa a contadora Juliana Machado, administradora do fã clube Nação Rosariana do Amazonas.

Fã desde 2009, Juliana diz que aprendeu a gostar do grupo por meio de uma amiga que junto com ela frequentava uma comunidade católica. “Ela me ‘arrastou’ para um show. E uma das primeiras canções que eu escutei foi “Sem Você” e, desde então, acompanho a banda. Já viajamos até para o interior para assistir as apresentações“, relata.

O estudante João Carlos Lemos, 26 anos, conta que conheceu o Rosa de Saron em uma das edições do acampamento “Vai ou Racha”, da RCC. “Depois, minha irmã ganhou o DVD ‘Acústico e Ao Vivo’ (2008), e foi aí que eu comecei a ouvir a banda e a gostar, passei a ouvir direto. A Rosa de Saron tem essa essência de trazer a paz aos nossos corações, cada música é feita para um momento da sua vida“, reflete.

Ele afirma que o novo ciclo da banda veio no momento certo. “Eles tiveram discernimento na escolha do Bruno como novo vocalista. A mensagem do Rosa continua a mesma, sempre vai ser Deus a mensagem“, conclui.

Gratidão é um dos fã clubes da banda Rosa de Saron, em Manaus. Foto: Reprodução

Aliás, os fãs clubes do Rosa de Saron em Manaus já estão se mobilizando para o show, revela Juliana. “Estamos compartilhando nos grupos e com outros Fcs (fãs clubes) sobre o evento. Estamos ansiosos, pois é a primeira vez do Bruno conosco, felizes pelo desempenho da banda e curtindo as novas músicas“, ressalta a contadora.

Serviço:

O quê? IV Juventude Católica em Ação
Quando? 1 de setembro, a partir das 09h
Onde? Arena Amadeu Teixeira
Atrações: Nacionais: Banda Rosa de Saron e Cosme. Locais: Dj JC, JotaBê, Comunidade Católica Despertai, Rangel Pontes, Jovens Sarados, Cássio di Fons, Diácono Leonardo Lucas, Ministério de Música Evangelizar, Comunidade Sementes do verbo, Banda Madrigal Sagrada Família, Padre Amal Raj, Ministério de Dança Jasmin, Juventude Amicom, Exorte Mcs e Grupo Artístico Aiaká. A missa de abertura será celebrada por Dom Tadeu Canavarros, bispo auxiliar de Manaus.
Informações: 99326-6279


Por: Michael Stéfanni / Portal Beiradão


Leia mais: