Um lavador de carros foi preso na tarde desta terça-feira (3), suspeito estuprar sua ex-enteada de 6 anos. Ele foi preso em um lava-jato localizado no conjunto Vieiralves, bairro Nossa Senhora das Graças, zona centro-sul da cidade.

De acordo com a delegada Joyce Coelho, titular da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente, no mês de novembro de 2019, a criança comentou com a professora da escola em que ela estudava, que estava sentindo dores nas partes íntimas. Ao ser questionada, a menina relatou os abusos sexuais praticados pelo ex-padrasto.
 
“Após a revelação desse fato, a escola acionou o Conselho Tutelar, que notificou o genitor da criança. Ele compareceu na unidade policial da especializada, junto do avô paterno da vítima, quando foi feito o registro do Boletim de Ocorrência. A vítima realizou os exames periciais, nos quais foi confirmada a violência sexual”, explicou a delegada.
 
Segundo a autoridade policial, após a descoberta dos abusos, o infrator saiu da casa onde residia e se hospedava em locais incertos. Ainda de acordo com a titular da DEPCA, o mandado de prisão em nome do indivíduo foi expedido no dia 17 de janeiro de 2020, pela juíza da Central de Inquéritos.