Marcela é a 12ª eliminada do BBB20, com 49,76% dos votos — Foto: Globo

Foi por pouco, muito, muito pouco, que a médica Marcela foi a 12ª eliminada do Big Brother Brasil 20 nesta terça-feira (7). Ela recebeu 49,76 % dos votos, apenas 0,58% a mais que sua principal oponente, Flayslane, que registrou 49,18%. No paredão mais acirrado da temporada, as duas também enfrentaram Babu, que cravou míseros 1,06%. Ainda restam oito participantes na disputa pelo prêmio de R$ 1,5 milhão.

Tiago Leifert iniciou a eliminação discursando: “Não existe esse negócio de resposta. É um resultado. Todos nós fomos cancelados pela internet, pelo menos uma vez. Vocês têm medo de cancelamento”.

Na sequência, o apresentador afirma: “Não tem nada mais insensato do que tentar buscar a perfeição aí dentro. A intenção é boa. Vem de um lugar de amor, de respeito… Mas, por que você está fazendo isso com você?”. Em seguida, Leifert anuncia: “Fada não existe. Fado não existe. Não tem como. É impossível. É uma pressão enorme em cima de todos vocês”.

Ele continua: “É impossível sustentar a perfeição em um moedor de carne que é o Big Brother Brasil”. “O Paredão de hoje é a soma de todos os outros. De tudo o que a gente conversou, desde a primeira semana. Que as informações não iam durar muito tempo, cuidado com a bolha, o jogo anda rápido… Tudo isso aconteceu. Então, não foi falta de aviso”.

Marcela é a 12ª eliminada do BBB20, com 49,76% dos votos. Flayslane recebeu 49,18%. Babu recebeu 1,06%.