O presidente Jair Bolsonaro realizou na manhã desta terça-feira, no Palácio da Alvorada, um segundo exame para saber tem o novo coronavírus. Na semana passada, o primeiro exame deu negativo, de acordo com o próprio Bolsonaro.

Bolsonaro realizou o teste após o Secretário de Comunicação Social, Fábio Wajngarten, ser diagnosticado com a doença. Wajngarten fez parte da comitiva presidencial que viajou aos Estados Unidos.

A realização do exame foi confirmada pelo ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Augusto Heleno, que disse que o resultado pode sair ainda nesta terça-feira.

Heleno também fez um segundo teste nesta terça, no departamento médico do Planalto, assim como o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, e o Secretário de Assuntos Estratégicos, Flávio Rocha. Os três também refizeram parte da comitiva.

Já o ministro da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos, realizou o exame pela primeira vez nesta terça, também no departamento médico do Planalto. Ramos teve contato com o deputado Cezinha de Madureira (PSD-SP) e com o secretário-adjunto de Comunicação, Samy Liberman, ambos diagnosticados com o novo coronavírus.