A empresa Águas de Manaus, responsável pelo abastecimento na capital amazonense, foi notificada nesta quarta-feira (2) devido uma falha no serviço causada por um vazamento no bairro Parque 10 de Novembro, na Zona Centro-Sul de Manaus. Moradores relataram que o problema ocorreu por, pelo menos, cinco dias seguidos.

Em nota, a empresa informou que o abastecimento foi normalizado nesta quarta e que carros-pipa foram disponibilizados para “minimizar os impactos durante a manutenção emergencial”.

O caso foi denunciado na ouvidoria da Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados do Município de Manaus (Ageman). O órgão afirma que, segundo o Termo Aditivo de Contrato de Concessão, a concessionária deve informar, por meio de ampla divulgação na imprensa e outros meios adequados, sobre quaisquer alterações e interrupções na prestação dos serviços.

Agora, a empresa terá um prazo de dez dias para informar os motivos que ocasionaram o desabastecimento de água no conjunto Castelo Branco, no bairro Parque 10. Caso contrário, a Águas de Manaus poderá sofrer sanções administrativas previstas no Contrato de Prestação de Serviços Públicos de Abastecimento de Água e de Esgotamento Sanitário do Município.

Por meio de nota, a concessionária afirmou que o problema ocorreu por conta de duas obstruções e dois vazamentos na rede que abastece o local. A empresa disse ainda que o abastecimento entre as ruas 13 e 16 foi normalizado na tarde desta quarta.

LEIA TAMBÉM: