Foto: Jair Araujo

A Paróquia Coração Imaculado de Maria, no bairro do Morro da Liberdade, na Zona Sul de Manaus, foi o local escolhido para celebrar a missa de Sétimo Dia da morte do engenheiro Flávio Rodrigues, encontrado morto a golpes de faca em um terreno no bairro Tarumã, na Zona Oeste da capital.

Familiares e amigos lotaram a igreja localizada no bairro onde a vítima morava. Eles chegaram cedo vestindo camisetas com uma imagem de Flávio e com frases pedindo Justiça. Amigos estavam com uma faixa preta com a #JustiçaporFlavio.

A mãe do engenheiro Maria Irecê Rodrigues dos Santos e as irmãs choraram muito durante a celebração.

Quase todos os suspeitos de terem ligação com a morte do engenheiro estão presos temporariamente. Somente Alejandro Valeiko, filho da primeira-dama do município, cumprirá prisão domiciliar. Ele tem até hoje para se apresentar na sede da Delegacia Especializada em Homicídios (DEHS) e prestar esclarecimentos.

Foto: Jair Araujo