O mecânico William Benevides Filho, 45, foi preso, na manhã desta quinta-feira (29), na Rua Terra Preta, bairro São José, zona leste da capital, suspeito de engravidar uma adolescente de 14 anos. A prisão foi feita por policiais da Delegacia Especializada em Proteção a Criança e ao Adolescente (Depca). As investigações sobre o caso começaram em dezembro de 2018 e a jovem chegou a morar com o suspeito.

De acordo com a delegada Joyce Coelho, os abusos aconteciam desde os 13 anos e o homem prestava serviços de mecânica para a família. A adolescente começou a namorar com o suspeito sem o consentimento dos pais. “Após ela engravidar o relacionamento acabou. O caso era de conhecimento de muitos nas redes sociais. A adolescente responde a ato infracional contra o pai e foi encaminhada a delegacia do menor infrator. A família sofreu muito e nós tivemos bastante sensibilidade. A vítima nos relatou que estava apaixonada e que foi prometido que o pai da criança não seria preso”, explicou a autoridade policial.

Ainda conforme a polícia, quando a jovem foi morar com o mecânico, eles tiveram a ideia de denunciar o pai dela. Mas as investigações chegaram a conclusão que ele era inocente. “Existe um procedimento contra o pai dela, mas a vítima desmentiu a acusação”, revelou a delegada.

A ordem judicial em nome do suspeito foi expedida no dia 23 de agosto deste ano, pela juíza Patrícia Chacon de Oliveira Loureiro, da 1ª vara Especializada em Crimes Contra Dignidade Sexual de Crianças e Adolescentes. O homem foi indiciado por estupro de vulnerável e será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM).

Leia também: