Na noite deste sábado (13), Jully Dias e Ronaldo Silva foram brutalmente assassinados enquanto comemoravam o aniversário do filho, José Abner, de apenas 3 anos, no município de Lábrea, distante à 851 quilômetros da capital do Amazonas.

Segundo informações preliminares da Polícia Militar (PM), por voltas das 19h30, a família e amigos comemoravam o aniversário de José Abner, quando foram surpreendidos por homens armados, que chegaram no local atirando.

Ainda conforme a polícia, Jully estava grávida de 6 meses e o motivo do atentado, supostamente, seria o envolvimento do marido com o tráfico de drogas na localidade.

O estado de saúde da criança de 3 anos não foi informado.