Polícia Militar faz operação na Zona Leste de Manaus — Foto: Leandro Guedes/Rede Amazônica

A Polícia Militar do Amazonas deu início na manhã desta segunda-feira (6) a uma operação na capital em cumprimento ao decreto estadual que proíbe o funcionamento de serviços não-essenciais na cidade. No último sábado (4), o governador Wilson Lima assinou o documento que reforça as medidas ostensivas durante a pandemia do novo coronavírus

Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), feirantes e pequenos comerciantes serão apenas orientados para que recolham o material.

O Secretário de Estado de Segurança Pública do Amazonas Cel PM Louismar Bonates afirmou que a Operação ”Fique em Casa” vai orientar as pessoas, mas “quem não cumprir o decreto, a polícia será obrigada a dar voz de prisão e levar para a delegacia”.

Segundo a delegada geral da Polícia Civil Emília Ferraz, descumprir o decreto pode ser caracterizado como um crime. “Eles serão enquadrados pelo crime de desobediência”, alertou.

O Amazonas tem hoje 417 casos confirmados e 15 mortes pela doença.

Conforme o decreto, lojas que não se fornecem alimentos, bebidas e remédios, tem que permanecer fechadas.