Fotos: Márcio James / Semcom

A Prefeitura de Manaus vai pagar anuidade para crianças de 1 a 3 anos ingressarem em creches particulares e, assim, aumentar o número de vagas disponíveis na cidade. A informação foi confirmada pelo prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, nesta terça-feira (16). O Bolsa Creche, segundo o prefeito, já está com o projeto em andamento e tem um modelo similar a outros programas de inclusão social. Ainda não há uma data definida para o lançamento do projeto.

“Nós vamos pegar as instituições privadas, submetê-las às análises dos nossos técnicos e, se aprovadas, elas vão aderir a um programa que inclui renúncia fiscal e contrapartidas e, assim, nós vamos colocar mais crianças em creches. Os parceiros devem ter a mesma qualidade dos serviços que são oferecidos pelo município e estar em locais próximos ao nosso público”, explicou Arthur Neto.

Segundo o prefeito, a ideia é compensar as dificuldades que o município tem hoje para construir e manter creches públicas. Na construção das creches, o governo federal entra com 55% e o município com 45% do valor total. Enquanto isso, para a manutenção, que é significativamente mais onerosa, a participação do município é de 90% e do governo federal de apenas 10%. Isso significa que, para cada creche inaugurada, há a necessidade de se disponibilizar no orçamento R$ 4 milhões anuais.

Fonte: G1