A equipe de investigação da 76ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de São Gabriel da Cachoeira, prendeu em flagrante, na quarta-feira (09), um homem de 48 anos, por abusar sexualmente do próprio sobrinho, um adolescente de 13 anos. 

De acordo com a delegada Grace Jardim, titular da unidade policial, o homem é sargento do Exército e já havia tentado cometer o mesmo crime em 2019, mas o sobrinho conseguiu fugir e se esconder.
 
Desta vez, o autor soube que a vítima estava sozinha em casa e se aproveitou da situação para cometer o crime. Trancou a porta e usou de força para contê-lo. O homem ainda ligou para o pai da vítima para saber a que horas ele iria retornar.
 
“Enfrentamos, por muito tempo, uma grande dificuldade aqui no município. As famílias acobertam os autores desse tipo de crime para não serem expostos na cidade”, declarou a delegada.

Ainda segundo a autoridade policial, no caso em questão, a vítima estava sendo pressionada a não prosseguir com a denúncia. “Isso acaba punindo a vítima mais uma vez, que sofreu as consequências desse crime brutal e ainda é hostilizada pela família. Neste momento, é importante o apoio dos familiares”, salientou Grace.
 
Em depoimento, outras testemunhas disseram que o sargento já cometeu o mesmo crime outras vezes, mas pela primeira vez, alguém teve coragem de denunciar.
 
O infrator foi indiciado por estupro de vulnerável e, após os trâmites cabíveis, ele permanecerá na carceragem da unidade policial à disposição da Justiça.